30 agosto 2007

Só para ti, Xuxu...

Não sei, se como dizes e anseias existem caminhos pré-definidos, o homem da nossa vida, a relação mais que perfeita. Nunca os encontrei e muito sinceramente não os quero encontrar, nem procurar.
Quando era pequerruxa achava que andava por aí o "meu porco/ sapo/ principe", aquele "porquinho/ sapinho/ principezinho" que estava destinado só para mim, que tinha sito feito a pensar em mim e que seriamos felizes para sempre, era só uma questão de o encontrar. Não seriam precisas palavras, saberíamos. Sonhava entrar numa igreja vestida de branco. Ter um montão de rebentos. E dizer "Sim, querido".
Percebi que não ambiciono esta perfeição, não lhe acho piada, não me faz vibrar. Não quero estar numa situação onde saiba à partida como irá acabar, odeio conhecer os desfechos, odeio narrativas fechadas.
Descobri que um olhar às vezes não passa disso, o branco não me favorece, os rebentos são caros, e muitas vezes insuportáveis e prefiro dizer um "Não!" com a boca toda, a um "sim" deslavado.
Imagino, que enquanto, esperas a chegada da perfeição ou o desenvolvimento da mesma, passam por ti "pequenos defeitos" EXCELENTES!! E eu, como sabes, sempre adorei um bom defeito. Tu não?

2 comentários:

tangerina disse...

Estou tão de acordo...! ;)

PIRINELA disse...

É tão engraçado ler esta mensagem e perceber que a ideia que passo, é que quero um principe!! Não, não quero um principe, só quero ser feliz, com ele..... que tem tantos defeitos, que não é o meu herói, mas sim a pessoa de quem gosto!! É errado sonhar!?